Mercado de reposição acelerado

Mercado em alta. Para aproveitar o bom momento do mercado do boi gordo, muitos pecuaristas buscam no mercado de reposição as categorias de giro mais rápido para a terminação, como o boi magro, por exemplo. Entretanto, com os pastos com boa capacidade de suporte, quem tem a categoria tem optado pela terminação, diminuindo a oferta no mercado de reposição. Dessa forma, as cotações do boi magro estão firmes e subiram em praticamente todas as praças pesquisadas na última semana. Destaque para São Paulo, onde houve a maior valorização, de 3,4%.

No estado, atualmente o animal está cotado em R$2,1 mil/cabeça e há negócios fechados acima deste patamar, evidenciando o cenário de alta para a categoria. De modo geral, para o curto prazo as expectativas são de manutenção dos preços firmes no mercado de reposição, uma vez que os pastos tendem a permanecer com boa capacidade de suporte e a arroba do boi gordo não deve sofrer pressão de baixa.

Fonte : Scot Consultoria